Quando a Mala Rompe…

…Compra-se uma nova!

Se a anterior era a nossa mala perfeita…

Compra-se uma mala o mais parecida possível à anterior!

Mas Bernardete, apenas tinhas uma mala?! Não! Mas há sempre aquela mala que nos acompanha para todo o lado, não importa a situação, o lugar ou a meteorologia do dia! Aquela mala onde tudo cabe e, por isso, é que, por excesso de peso, ela acaba por se estragar.

Voltando à mala nova (porque me esqueci de tirar fotografia à mala velha antes de a deitar fora)… é esta!

Basicamente, a minha mala antiga tinha a mesma dimensão, a mesma cor, apenas não tinha este compartimento à frente e que dá tanto jeito!

Foram várias as lojas que percorri em busca da nova mala porque, nesta época do ano, as malas deste tamanho teimam em não ter fecho em cima e isso, para mim é essencial para não perder nada!

Foi na C&A que encontrei, quando já tinha perdido a esperança de encontrar uma “gémea” da antiga.

Custou 24.99€ e estou a amar andar na companhia dela.

Mas para quê uma mala tão grande?!

Isso para já é segredo mas, para a semana irei desvendar, mais uma vez, o que anda agora dentro da minha mala. Será que mudou alguma coisa desde a primeira vez que mostrei o que tinha dentro da mala.

Esperem para ver!

A Mistura Perfeita!

Não muito bem como, consegui ter em casa apenas três bases e todas elas mais claras que o meu tom!

Será que fiquei mais morena de repente?! Eu penso que não! A questão principal é que tenho o subtom amarelo e mesmo comprando a base mais escura disponível para este subtom fica-me clara! Não clara que fique muito diferente a olho nu, aí até que disfarça, mas quando tiro fotografias fico fantasminha. No dia a dia sem fotografias até dá para enganar usando um contorno!

Mas como a qualquer momento queremos tirar aquela foto!!! Precisei de resolver esta questão!

Passei a usar uma misturinha bombástica! Uma das três bases (tenho usado mais a Made To Stay da Catrice na cor 25 Warm Beige) com a mesma quantidade do CC Cream da Bioten no tom médio e uma gota de Shape Adjusting Drops, a versão que escurece a base.

Sim ouviram bem! Aquele produtinho da Catrice que não veio para Portugal! Existe um produto muito semelhante da The Body Shop que com uma só gota escurece meio tom a base que estás a usar.

Ora para mim foi suficiente! Esse meio tom foi a diferença entre ficar fantasminha ou não ficar fantasminha nas fotografias!

Outro problema que eu tinha era que, sempre que usava a Made to Stay da Catrice, ficava com partes do rosto a escamar por mais que colocasse um creme hidratante antes! Tenho a pele mista e, por isso, parte da cara ficava bem com esta base e parte da cara ficava escamada. Por incrível que pareça, usar o CC Cream misturado com a base e não antes da base resolveu essa problema.

Mas para quê fazer essa mistura?! Porque não usar apenas o CC Cream?! Porque às vezes precisamos dum pouco mais de cobertura!

Normalmente uso apenas o CC Cream mas, há dias em que precisamos dessa pele mais perfeitinha que a base nos dá mas sem pesar muito! Esta mistura faz isso mesmo!

E pronto! Desta forma, com as gotas maravilhosas da The Body Shop, já poderei acabar a Made To Stay da Catrice na cor 25 Warm Beige, a Super Stay 24 da Maybelline na cor 010 Ivory e a Colorstay da Revlon na cor 300 Golden Beige. Quando as acabar, irei optar por comprar o subtom amarelado da Revlon a seguir ao 300 por ser a base, destas três, que mais gosto.

Gostaram da misturinha que uso?! E vocês qual é a vossa misturinha ideal?!

Look Para Parque Infantil

O azul, o preto e o branco são as cores favoritas da maioria das mulheres para vestir no dia a dia… o que faz com que, na altura de ir com o seu filho para o parque, o seu filho não conseguir distinguir a mãe nos meio de tantas outras.

Sim, para quem não é mãe ainda, os parques no bom tempo enchem mesmo! Há fila no escorrega, há meninos a reclamar que o outro menino não sai daquele brinquedo onde ele quer andar.

Isto pode ser um pesadelo para uma criança que goste de ter a mãe debaixo de olho (e vice versa… o meu Glambaby leva sempre um boné New Yorker roxo e com as letras em verde flourescente super estiloso e super visível ao longe)…

Então, uma forma do nosso bebé nos ver pode passar por colocar uma parte de cima mais chamativa no nosso look. Não precisam de deixar de estar glamourosas, apenas precisam de usar uma peça que não seja branca, azul ou preta para que, o vosso bebé possa olhar à volta e ver que aquele casaco, aquela t-shirt, aquela blusa de cor diferente é a mamã.

Hoje mostro dois looks práticos, mais casuais, ideais para essa ida ao parque. Se estiver calor opte, claro, por alterar a manga comprida por manga curta.

Estes looks juntam 4 peças essenciais para sobreviver a uma ida ao parque:

  • a peça de cor para tranquilizar o vosso pequenote,
  • a ganga mais resistente aos imprevistos,
  • os saltos rasteiros que não se enterram nos parques de areias e nos permitem andar mais depressa atrás dos mais traquinas,
  • a mala grande para a garrafa de água, a bolachinha que ele(a) gosta, o casaquinho de malha se arrefecer, ou até uma fralda descartável para os que ainda usam.

Estas peças acabam também por ser essenciais para qualquer uma de vocês que ainda não são mães mas, querem dar aquele passeio e puder sentar na relva a ler um livro.

Podem até não precisar na camisola rosa… mas que fica glamourosa, lá isso fica!