Quando a Luz Falha…

Já há muito tempo que não passava por uma falha de luz em casa… em especial à noite com o nosso Glambaby em casa!

Telemóvel descarregado… com apenas velas para dar alguma luz e uma lanterna a manivela com a qual o nosso Glambaby se divertiu bastante.

Mas que mais fazer para passar o tempo enquanto a luz teima em não voltar?

Aqui ficam algumas dicas!

  1. Jogos de Cartas: Pesca, Uno, Paciência… ou seja, jogos que requerem apenas um baralho e que, normalmente, temos em casa.
  2. Dormir: Põe aquele sono em dia… aquele que tem adiado por um bom filme ou por actualizar as suas redes sociais. Sem essas distracções é uma boa altura.
  3. Histórias de terror: Não uma coisa a fazer quando o Glambaby ainda está acordado mas, quando ele for dormir, junta os amigos, pega numa lanterna e inventa a melhor história de terror que alguém já ouviu na vida.
  4. Joga STOP! Há tantos anos que não jogo e é tão divertido! Com umas simples folhas e umas canetas jogamos este clássico!
  5. Ler à luz de velas: Aproveita a falha de luz para ler à luz da vela. Não convém exagerar no tempo porque faz mal à vista mas adianta algumas páginas daquele livro que já não pegava à algum tempo.
  6. Um jantar à luz de velas: Aproveita para presentar a tua cara metade com um jantar a luz de velas. Chama a família, coloca algumas velas na mesa e torna o momento especial.
  7. Brincadeiras com sombras: Com a lanterna podem-se tentar fazer pombas, ursos, dinossauros e outros animais apenas utilizando as mãos. Tenta adivinhar o que os teus amigos ou familiares estão a tentar reproduzir.

São algumas boas ideias para fazer sem luz!

Anúncios

Tendência | Blazer Branco

Se há cor que seja símbolo de elegância essa cor é o branco! E essa cor num blazer tem-se estado a tornar, cada vez mais, um item indispensável no guarda roupa.

É uma cor da qual tenho algum receio?! Sim! Porque com crianças pequenas é o tipo de cor onde mais rapidamente se notam as nódoas que os nossos filhos nos transmitem. Sejam de chocolate, sola das sapatilhas, entre outros…

Mas continuo a amar a cor e a amar as minhas calças brancas combinadas com uma camisola azul marinho com decote em V e os meus mocassins pretos.

Quanto ao blazer ando neste momento a namorar um (na realidade chega esta época do ano e namoro vários tipos de casacos como podem perceber pelo post do casaco vermelho).

Tudo porque este blazer dá logo todo um ar glamouroso a qualquer look para qualquer ocasião. Fica bem com calças de ganga e t-shirt, como fica super lindo com tecidos mais nobres.

Por isso, com este amor por um blazer branco no ar, aqui ficam alguns looks para servirem de inspiração.

—–

As imagens presentes neste artigo são retiradas da Web. Na impossibilidade de as creditar correctamente agradeço que, caso alguns dos autores não autorize a sua publicação, entre em contacto, para que as mesmas sejam retiradas de imediato.

The images in this post are taken from the Web. Failing the credit correctly appreciate that if some of the authors did not authorize its publication contact, for them to be withdrawn immediately.

Glambaby | Viciado na Motinha

Desde que o Glambaby nasceu que temos evitado comprar muitos brinquedos porque há sempre alguém que oferece e acabamos por acumular muita coisa em casa.

Mas a motinha (não coloquei a fotografia dela porque está a ficar gasta) foi aquele brinquedo que tentámos resistir mas tivemos que comprar.

Na creche que ele frequentava havia umas motinha destas que são os bebés que empurram com os pezinhos para o brinquedo andar e muitas vezes o fomos buscar e ele a brincar com a motinha.

Uma altura, de tanto o vermos a andar neste brinquedo, vimos o preço delas numa grande superfície e custava 50€! Dar 50€ por um brinquedo destes pareceu-nos um bocado exagerado e nem era dia de aniversário do Glambaby e, por isso, deixámos-o andar um pouco pela loja na mota e conseguimos distraí-lo para a deixar.

Até que houve um belo dia encontrámos uma motinha do Faísca McQueen por 19.90€ noutra superfície comercial! Desde então tornaram-se amigos inseparáveis!

Vamos passear a motinha vai, vai para a creche a motinha vai até ao carro, dentro de casa anda na motinha…

É daqueles brinquedos que, por mais que uma pessoa resista, valem a pena.